Portal Namazonia - Completo pra você

Sábado, 21 de maio de 2022
MENU

Amazonas

Posto de Combustível de GNV é autuado em fiscalização realizada pelo IPEM

Ação detectou erros de medição contra o consumidor em duas bombas medidoras

Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O Instituto de Pesos e Medidas (Ipem-AM), em conjunto com a Comissão de Geodiversidade, Recursos Hídricos, Minas, Gás, Energia e Saneamento da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), realizou nesta quinta-feira (05/05) e sexta-feira (06/05), fiscalização em postos de combustíveis de Gás Natural Veicular (GNV) na capital.

Ao todo, foram fiscalizados quatro postos de GNV, sendo 16 bicos de abastecimentos verificados. Durante a fiscalização, um posto de GNV localizado na Avenida Rodrigo Otávio, no Distrito Industrial I, zona sul de Manaus, foi autuado por apresentar erros de medição contra o consumidor, em duas bombas de combustíveis. Os erros apresentados foram -5 e -8%, e a tolerância de erro máximo permitido é de + ou – 2%. As bombas com irregularidades foram interditadas e o posto autuado.

“Nós orientamos aos consumidores, que no ato do abastecimento verifique se a bomba medidora possui o selo do Inmetro; se as informações do preço por metro cúbico, e o total a pagar estão legíveis. Isso garante que o Ipem realizou a verificação e atende todos os aspectos de segurança e está medindo corretamente”, orientou o diretor-presidente do Ipem-AM, engenheiro Márcio André Brito.

Multas - O posto tem um prazo de 24 horas para corrigir o erro, em seguida os fiscais retornam ao posto para constatar se os reparos foram feitos atendendo a legislação do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). A manutenção da bomba medidora deve obrigatoriamente ser feita por uma empresa credenciada pelo Ipem. Após as bombas serem aprovadas, elas recebem o selo do Inmetro que garante a confiabilidade na medição desses instrumentos.

Denuncie – O consumidor que desconfiar de possíveis irregularidades na medição do seu combustível deve entrar em contato com a Ouvidoria do Ipem, por meio do telefone 0800 092 2020, que funciona de segunda a sexta-feira, de 8h às 14h, ou enviar e-mail para: ouvidoriaipem@ipem.am.gov.br, e pelas redes sociais no facebook: Ipem Amazonas e Instagram: ipem.am

Créditos (Imagem de capa): Alexandre Vieira / Ipem-AM

Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )