Portal Namazonia - Completo pra você

Sábado, 29 de janeiro de 2022
MENU

Ciência & Tecnologia

Fapeam destaca trajetória do médico e pesquisador Marcus Barros, homenageado na Aleam

Entre as áreas dedicadas, Barros é médico e pesquisador da Fundação de Medicina Tropical Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD)

Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A diretora-presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam), Márcia Perales Mendes Silva, representou o governador do Amazonas, Wilson Lima, na sessão especial de homenagem ao médico, pesquisador e professor Marcus Barros, que recebeu a Medalha Ruy Araújo, concedida pela Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), com propositura do deputado estadual Serafim Corrêa, nesta terça-feira (16/11).

 

A sessão especial reuniu autoridades, amigos e familiares do homenageado no Plenário Ruy Araújo, sede da Aleam. Durante a homenagem, Márcia Perales ressaltou a brilhante trajetória do homenageado, que se destaca na saúde como médico comprometido e pesquisador da Fundação de Medicina Tropical Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD), como defensor do meio ambiente, professor da Universidade Federal do Amazonas, e gestor de várias instituições, dentre essas foi reitor da Universidade Federal do Amazonas (Ufam). 

 

“Um olhar atento à sua admirável trajetória, permite-nos identificar que por onde Marcus Barros passa finca-se o espírito da construção, da ousadia, da competência, da solidariedade e da superação. Sua atuação profissional possibilita a interligação de diferentes pilares estruturantes: saúde, meio ambiente, educação, ciência e política, atuação que agrega dimensões que um nativo da nossa região sabe o quanto são importantes para a nossa sobrevivência e para a sobrevivência do planeta”, disse. 

 

O deputado Serafim Corrêa também ressaltou os aspectos colaborativo e humanitário do médico e pesquisador, que sempre foi comprometido e estudioso. 

 

“Ele é especialista em moléstias tropicais. Esta homenagem coroa o reconhecimento do Amazonas a um filho ilustre que nasceu lá em Eirunepé e de lá veio para Manaus e aqui estudou e aqui fez tudo de bom. Homem dedicado a servir o próximo e orgulho de todos nós”, falou Serafim Corrêa. 

 

Marcus Barros disse receber a Medalha Ruy Araújo com muita alegria e emoção, agradeceu a propositura do deputado Serafim Corrêa, bem como aprovação do seu nome, por unanimidade dos deputados, para receber tão alta  honraria pelos serviços prestados ao Amazonas. 

 

“A Medalha homenageia a quem se destaca pelo serviço prestado ao Amazonas nos vários segmentos. Assim, procurei contribuir nas áreas de saúde, educação e meio ambiente. Hoje, estou ciente de que tudo valeu a pena”, disse o médico, ao relembrar sua história, vivências em família, bem como o início de suas atividades como médico e gestor no interior do Amazonas. 

 

Biografia do homenageado - Marcus Barros é médico e pesquisador do Instituto de Medicina Tropical do Amazonas, em convênio com a Universidade do Amazonas, desde 1975. Professor Adjunto IV do Departamento de Saúde Coletiva da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade do Amazonas, desde 1975(aposentado). Fundador e primeiro Diretor do Hospital Universitário Getúlio Vargas – da Universidade do Amazonas – 1981/83. Foi reitor da Universidade do Amazonas. 1989/1993.

 

O homenageado é, também, fundador e primeiro gerente do Escritório Técnico Regional da Fundação Oswaldo Cruz na Amazônia, com sede em Manaus, objetivando a criação do Centro de Pesquisa Leônidas e Maria Deane, 1995/98. Foi diretor do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), nomeado pelo Decreto de 25.02.2002. 

 

Foi presidente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), de janeiro de 2003 a maio de 2007. Foi secretário Municipal de Governo, coordenador do Convênio Funai/Saúde/Prelazia do Alto Solimões para Nação Tikuna. São Paulo de Olivença entre 975 e 1976.  Diretor Clínico do Hospital Colônia Antônio Aleixo (Hanseníase), em 1976. Presidente da Associação de Docentes da Universidade do Amazonas – Manaus – 1984 a 1986. 

Créditos (Imagem de capa): Érico Xavier/Fapeam

Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )