Portal Namazonia - Completo pra você

Domingo, 26 de junho de 2022
MENU

Amazonas

CIF fiscaliza empresas do segmento de sucatas na zona sul

A operação “Sucata”, contou com efetivo dos órgãos de Segurança Pública e agentes de fiscalização de diversos órgãos municipais

Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Os agentes da Central Integrada de Fiscalização (CIF), coordenada pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), deflagraram, nesta quarta-feira (09/02), uma operação com foco no setor comercial na zona sul de Manaus. O objetivo é apurar suspeitas de comércio irregular de materiais como fios de cobre, tampas de bueiros e redes de telefonia. Cinco locais foram vistoriados na ação e quatro foram interditados.

De acordo com o delegado Fabiano Rosas, titular do 7º Distrito Integrado de Polícia (DIP), os alvos da fiscalização foram empresas do segmento de metalurgia e sucatas. 

“A CIF atuou com vários órgãos de fiscalização, nessa parte de metalúrgica, compra e venda de sucatas, devido a grande venda e denúncias que estão ocorrendo com relação ao furto de ferro, cobre, alumínio e tem prejudicado bastante a população. Essa é uma operação repressiva, mas também pedagógica, que é para informar e ver a precedência que estão comprando”, disse.

Notificados - O Sucatão Manaus, na avenida Castelo Branco, bairro Cachoeirinha, foi notificado pelo Corpo de Bombeiros do Amazonas (CBMAM) por ausência dos documentos obrigatórios, pelo Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb) para retirar o ferro velho da calçada e foi interditado pela Secretaria Municipal de Finanças e Tecnologia da Informação (Semef).

O estabelecimento Sucata Salmo 23, na avenida Lourenço da Silva Braga, foi notificado pelo CBMAM por ausência de documentos e de prevenção contra incêndio e foi interditado pela Semef.  Também teve sua balança apreendida por irregularidades pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

Na rua Humaitá, bairro Cachoeirinha, o estabelecimento Jandrer Som foi notificado pelo CBMAM e interditado por ausência de licenciamento pela Semef.

Na avenida Urucará, o estabelecimento D67, também foi notificada pelo CBMAM, interditada pela Semef por ausência de licença e teve duas balanças apreendidas por irregularidades.

Integração- A operação “Sucata” é uma ação integrada envolvendo a Secretaria Segurança Pública (SSP-AM), Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Instituto de Defesa do Consumidor (Procon-AM), Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), Secretaria Municipal de Finanças e Tecnologia da Informação (Semef), Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), Instituto de Pesos e Medidas do Estado do Amazonas (Ipem-AM), Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp) e Instituto de Mobilidade Urbana (IMMU).

Créditos (Imagem de capa): Nayane Montuori/ SSP-AM

Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )